Cowboy: inclusão digital

Um novo projeto de inclusão digital, agora, inteiramente nacional, poderá ser viabilizado em um futuro próximo, o Cowboy. Assim como o XO, do projeto Um Computador por Aluno, ele também é uma espécie de computador portátil de baixo custo que poderá acompanhar as crianças de escolas públicas e particulares.

Projetado por pesquisadores da Faculdade de Ciências da Unesp, o Cowboy tem tela de LCD de 7 polegadas colorida, processador de 400MHz, 1 GB de HD, 128 de RAM, internet sem fio etc. O custo ainda gira em torno de US$ 250, contudo, os pesquisadores acreditam que, com a produção em larga escala do produto, o preço estará muito mais acessível ao mercado nacional.

O Cowboy deve concorrer com o XO e outros candidatos ao cargo de encabeçador da inclusão digital nas escolas brasileiras. Eduardo Morgado, coordenador do Laboratório de Tecnologia da Informação Aplicada (LTIA) da Unesp, conclui:

“Sabemos que a linha industrial do Cowboy não estará pronta a tempo para concorrer com os três modelos do programa de inclusão digital do governo federal. Mas, seguramente, seremos mais uma opção disponível a partir de 2008, com a ampliação do programa. Mas, por utilizar tecnologias nacionais, nossa expectativa é que a viabilidade econômica desse produto ocorra independentemente dos programas de governo”

Leia mais:

Esta entrada foi publicada em Todos os artigos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

9 respostas para Cowboy: inclusão digital

  1. ellen disse:

    Eu vi uma reportgaem sobre isso no fantástico, eu ahco.. ou foi num canal de educação.. é deve ter sido num canal de educação.
    Muito legal a idéia.. quero voltar pra escola só pra ter aula num desses.
    Um bju pro garoto esquisito que atualizou isso aqui.

  2. Debora disse:

    Seria uma máquina de escrever com acesso a internet?! Ainda acho caro demais pois essa configuração mal substitui um caderno!!! Seria isso inclusão digital mesmo ou desova de tranqueiras que ficam encalhadas nas empresas que vão montar o laptop?

  3. André disse:

    Ellen, obrigado pelo comentário.
    Debora, muitos já se pronunciaram na internet sobre isso. Sua preocupação é muito importante… mas eu vejo de um outro ângulo. Acho que o Cardoso levantou um ponto interessante: a história dos OLPCs da vida é uma iniciativa para melhorar o ensino das crianças. É pra permitir contato com computadores, sim, mas, essencialmente, utilizá-los para facilitar e melhorar o ensino.
    Eu cheguei até a utilizar um computador com configuração semelhante (com um HD um pouco maior), com linux corretamente configurado e enxuto, que me permitia realizar diversas tarefas.
    A idéia é diferente de outros projetos, só de inclusão digital, como o Computador para Todos. O que importa aqui é a vocação educativa do aparelho, sua capacidade de uso na educação. Tem um artigo interessante: Entenda a iniciativa OLPC, indico sua leitura. Ah, vale a pena lembrar que o Cowboy (que apesar do nome é brasileiro) tem configuração muito parecida com os outros computadores testados pelo programa.

  4. Ricardo Righetto disse:

    Muito bons os artigos indicados (em especial o do Cardoso)! Espero que o Cowboy (cujo nome não compreendi, mas também não considero algo muito relevante – certamente ganhará algum apelido por parte das crianças) torne-se uma realidade e possa integrar iniciativas como a OLPC e semelhantes. De fato, se o potencial dos laptops for bem explorado isso pode constituir uma excelente ferramenta de aprendizado e inclusão digital, alinhando a educação infantil aos meios de obtenção de informação dos tempos atuais e futuros. Eu pessoalmente sou a favor da utilização de sistemas operacionais de código aberto nesses laptops, mas mesmo computadores com Windows podem também ser muito proveitosos se utilizados adequadamente – e é justamente isso o que importa.

  5. Pingback: Pesquisa aponta que computador não influencia o desempenho do aluno » Futuro Professor

  6. Lo disse:

    Olá!
    Acredito que essa ideia nao será bem vinda no Brasil e se de repente for aceita,não será a melhor opçao para o futuro dos brasileiros!
    eu sou totalmente a favor da relaçao professor x aluno;não acredtio que um computador mesmo que com todas as funçoes possiveis ,possa suprir a necessidade que temos de um professor de VERDADE! o ser humano nao precisa de tanta evoluçao para atingir a perfeiçao,mesmo pq essa perfeiçao que queremos atingir nao existe!
    Precisamos sim de educaçao,mais nao de evoluçao.Lembrando que é por essas tantas evoluçoes e globalizaçoes mundiais q o mundo sofre hoje com tantos problemas sociais e ambientais!
    Pensem nisso!

  7. Wandreia disse:

    Oi, sou estudante do curso de rede de computadores, e estou fazendo tcc baseada nesses laptops e gostaria muito de ter mais informações sobre o cowboy, a maioria das informações que encontro so falam sobre o olpc

  8. Pingback: Computadores e desempenho escolar » Futuro Professor

  9. Pingback: Educação a Distância (EAD) & e-Learning » Futuro Professor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *