Entrevista com APEOESP sobre a greve dos professores em São Paulo

Como muitos sabem, os professores do Estado de São Paulo estão em greve. Veja suas principais reivindicações.

Conversamos com a APEOESP, o sindicato da categoria (fomos atendidos pelo sr. Luis Brandino) via internet sobre a greve. Veja a entrevista abaixo:

greve-sp

Futuro Professor: Como está sendo a mobilização e a participação dos professores? A nova política de punição das faltas está dificultando que a greve se consolide?

APEOESP: A greve atingiu 63% de adesão na quarta-feira, 17, em todo o Estado. Historicamente a greve se constrói durante algumas semanas até se consolidar. Sempre houve desconto dos dias parados, que são negociados depois de a greve ser encerrada. Há outros motivos que levam o professor a temer represálias, como a instabilidade no emprego – por parte dos temporários – e o período de estágio probatório para os efetivos recém-ingressos na rede.

A greve no serviço público é um direito garantido pelo Supremo Tribunal Federal, e deve ser exercida nos temos da Lei 7783/89. O artigo 6º da referida lei reza que “são assegurados aos grevistas, dentro outros direitos: I – o emprego de meios pacíficos tendentes a persuadir ou aliciar os trabalhadores a aderirem à greve (…) § 2º – É vedado às empresas adotar meios de constranger o empregado ao comparecimento ao trabalho, bem como capazes de frustrar a divulgação do movimento”.

Sobre a contratação de professores substitutos, o artigo 9º da Lei de Greve diz que isto só é possível se houver um acordo numa negociação para se garantir um número mínimo de trabalhadores “com propósito de assegurar a regular continuidade da prestação do serviço público” e o sindicato não cumprir o negociado. Até agora não houve qualquer negociação.

FP: As reações do governo já começaram?

APEOESP: O governo insiste em dizer que a greve atinge 1% das escolas. Contudo, vem ameaçando os professores com o desconto dos dias parados, o não-pagamento aos grevistas do bônus mérito, instaurar processo administrativo e a constratação de professores substitutos. Sobre a contratação de professores substitutos, o artigo 9º da Lei de Greve diz que isto só é possível se houver um acordo numa negociação para se garantir um número mínimo de trabalhadores “com propósito de assegurar a regular continuidade da prestação do serviço público” e o sindicato não cumprir o negociado. Até agora não houve qualquer negociação.

FP: Muitas pessoas argumentam que as greves na educação são muito prejudiciais aos estudantes, e que outros caminhos de mobilização deveriam ser utilizados. O que vocês têm a dizer a esse respeito?

APEOESP: É claro que os professores não gostam de fazer greve. Nossas reivindicações não são só salariais, mas também educacionais. Entendemos que os alunos têm maiores prejuízos com a educação pública que lhes é oferecida. As escolas não têm infra-estrutura, as salas são superlotadas, com baixos salários, os professores são obrigados a lecionar em mais de uma rede, e é claro que isto provoca prejuízos pedagógicos. Dados do Censo do MEC (2006) apontam que somente 15% das escolas públicas de São Paulo possuem bibliotecas e 23% laboratórios de ciências. Este é o prejuízo maior.

FP: Como fazer para minimizar o impacto da greve no calendário de aulas dos estudantes? Já há planos quanto a isso?

APEOESP: Assim que a greve for encerrada se discute com a Secretaria da Educação um calendário de reposição de aulas.

FP: Quais são as perspectivas para o professor que está ingressando agora ou vai ingressar em breve no mercado de trabalho em São Paulo?

APEOESP: O governo não faz concursos periódicos. A consequência é que 48% dos professores do Estado são admitidos em caráter temporário. A Lei Complementar 1093, aprovada no ano passado pela Assembleia Legislativa, precariza ainda mais a situação do professor ingressante na rede sem concurso. Ele terá de prestar uma prova e terá contrato de até 12 meses; passado este período, terá de cumprir uma “quarentena” de 200 dias; só depois poderá voltar a lecionar no Estado, claro que prestando outra prova.

FP: O governo de São Paulo insiste em chamar toda greve de “greve política”, na tentativa de “desmoralizá-la”. Toda greve é política, bem sabemos, e ele também sabe. Vocês conseguem imaginar como seria a “greve técnica” do Serra?

APEOESP: O governo volta a insistir que nossa greve é “política” tentando envolver o sindicato na disputa político-partidária nas eleições à Presidência da República. É uma forma de desviar a atenção da população para os verdadeiros motivos da greve. Senão, vejamos: o valor da hora-aula pago pelo Estado de São Paulo, o mais rico da Federação, é um dos menores do País: Professores do Ensino Básico II, que lecionam da 5ª a 8ª séries e Ensino Médio, recebem R$ 7,58 a hora-aula, valor menor do que o pago no Acre (R$ 11,17), Roraima (R$ 10,32), Alagoas (R$ 10,15), Tocantins (R$ 10,10) e Espírito Santo (R$ 9,60). Professores do Ensino Básico I recebem ainda menos, R$ 6,55. O piso salarial de um Professor do Ensino Básico II é R$ 909,32 por 24 horas semanais. Nem conseguimos imaginar como seria uma “greve técnica”. Talvez o Serra tenha a fórmula.

* * * * *

greve-politica
Tirinha extraída de jornal univesitário de 1982

* * * * *

Você é professor? Aderiu ou não aderiu à greve? Por quê? Conte aqui!
Você, cidadão, estudante, aproveite para dar sua opinião sobre a greve aqui no Futuro Professor.

Esta entrada foi publicada em Entrevistas, Formação de Professores, Política Educacional, Todos os artigos e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

44 respostas para Entrevista com APEOESP sobre a greve dos professores em São Paulo

  1. janciron disse:

    Olha a sacanagem que os petistas chamam de estratégia política!
    Articuladores petistas estão recrutando agitadores ao preço de R$ 50.00 cinqüenta reais a diária, para desencadearem passeatas e incentivarem greves em São Paulo, na intenção de desmoralizar o Governador José Serra e favorecer a Dilma!
    E os trabalhadores, nem percebem que estão sendo usados como massa de manobra!
    Notem que os mais agitadores não são professores, nem trabalhadores!

  2. lorena disse:

    Amigos e colegas professores, não moro em São Paulo, mas vocês têm meu apoio e orações. Continuem firmes na luta. Nós começamos esta briga desde o ano passado e entramos na justiça ganhamos a causa e o prefeito é obrigado pagar o piso salarial e o retroativo .

  3. Marcello disse:

    “Janciron”

    Santa ignorância.. Quem te disse isso?? Acho que você precisa se orientar mais antes de vir com esse papinho. Quer desmoralizar a greve com o um argumento semelhante ao do serra? hauahauahau! Ignorante

  4. Marcelo disse:

    Sou de Brasília, onde o salário de professor é quase 4 mil e já acho pouco pelo que é feito, imagine em São Paulo!
    Professor, apoio sua luta por salários melhores e por melhores condições na educação brasileira.

  5. janciron disse:

    Marcello: meu interesse é que: tanto os professores quanto os aposentados ganhem um salário justo, ou seja, aquilo que lhes foi prometido em campanha!
    Mas deviam estar ganhando há muito tempo, não só agora em época de eleição, entendeu?
    Eu só não concordo com os políticos hipócritas que vivem usando os seres humanos em um curral eleitoral, e achar que ninguém esta percebendo estas manobras, que não passam de algazarra fuleiras!

  6. André disse:

    João Cirino Gomes (“janciron”), removemos um comentário seu por ser panfletagem política aplicada já em outros sites (o mesmo texto foi encontrado no congressoemfoco.com.br). Pedimos que mantenha nessa página especialmente a discussão sobre a greve dos professores e/ou traga suas opiniões (independente de qual posição defende) de forma original. Obrigado!

  7. João Cirino Gomes disse:

    Pois bem vcs removeram um comentário meu pelo simples fato de serem “parciais!” Pois eu mesmo tenho participado das greves diretamente, mas discretamente, com intuito conhecer suas procedências; e no comentário removido eu dizia, que os professores estão sendo usados por sindicatos, que pagam R$ 50.00 reais, a passagem mais almoço, para encher ônibus de desempregados e fazer passeatas incentivando a greve ou arruaças na intenção de desmoralizar outros governos. Este é um fato que poderei até comprovar, pois fui petista por ideologia, e recebi convite para participar destas greves!
    E acho esta atitude muito degradante, e nela nada tem de articulação política! Na minha opinião é safadeza grossa mesmo!
    E quando o PT diz que esta eleição vai ser a maior baixaria, eu concordo, e já estamos vendo por qual motivo, pois tem muitos se vendendo, dando tapas e escondendo a mão para se fazerem de vitimas! Ou então me expliquem; só agora na época de eleição os professores merecem aumento? E Lula só depois de dois mandatos foi se lembrar das necessidades dos desempregados, dos assalariados e dos aposentados?
    Sua criticas a outros partidos, incentivos às greves e promessas vem desde quando ele era candidato! Enquanto eu acreditava no slogan quem sabe faz a hora não espera acontecer, fui petista, mas quando vi o que estava acontecendo! Lavei minhas mãos!
    Se quiserem saber, serei claro como uma fonte cristalina; eu publico sim em vários espaços os mesmos comentários, mas nada em meus textos é panfletagem, hoje sou um escritor independente, faço criticas as maracutaias, mas não montei blog, para defender qualquer politico ou partido, e nem ganho para isso! Meu compromisso é com a verdade! Caso queira deletar este texto também, esteja à vontade

  8. João Cirino Gomes disse:

    Estou publicando este texto que recebi, pelo simples fato, de que sou adepto a transparência! E acredito de que aqueles que se dizem idealistas, sem serem parciais, devem dar exemplos de transparência em todos os sentidos! Afinal lutamos por uma democracia e a queremos viva!

    Olá João, como vai?

    Não apagamos comentários por não concordar com sua opinião, só não queremos ser palco de panfletagem – e sentimos muito se não gostou de ser enquadrado dessa forma, mas consideramos isso quando alguém cola textos político-eleitorais já presentes em outros sites, e foi o que identificamos no seu caso. Atente que os demais comentários com sua opinião continuam no site normalmente. Queremos evitar apenas que visitantes usem os comentários como palanque para reproduzir textos-receitas de seus partidos – e acredite, recebemos bastante disso.

    Como editores do site, nos reservamos a esse direito para manter o site dentro de sua proposta.

    Suas opiniões, sejam quais forem, são muito bem vindas no site, desde que dialogando com os temas e usuários do mesmo, e não usando como palanque. Mas nos parece que esse não é seu intuito…
    O Futuro Professor é um espaço voltado para a discussão de educação, magistério e políticas educacionais. Traga suas contribuições! Qualquer discordância, estamos à disposição.

    Abraço, André

  9. João Cirino Gomes disse:

    E agora a minha resposta ao e-mail recebido:

    Pois bem; realmente tenho muitos amigos professores, irmãs e parentes; e também leciono particular; só fiz o comentário em vários espaços pelo simples fato, de notar pessoalmente, alguns oportunistas nos usando, e usando nossas aflições, para se promoverem e tirar vantagens politicamente!
    E como a história já nos mostrou:
    Isso é o que mais sabem fazer; dar tapas, e esconder as mãos, se passando por santinhos!
    Afinal, desde quando os professores, em geral, estão sendo escravizados e humilhados com salários mesquinhos?

    Enquanto isso, estes crápulas analfabetos, que nos encheram de promessas e foram eleitos, se tornam milionários; e ainda tem a audácia de nos apresentar gênios, que se tornam empresários e fazendeiros do dia para noite!

    Aumentam as taxas tributarias, para terem mais mordomias e passaram a defender ladrões e assassinos publicamente!

    Será que mesmo vendo, onde esta o problema, devemos continuar calados, remoendo nossas revoltas; ou então divulgar nossos pensamentos apenas em um espaço?

    Ao meu ver, estas patifarias, deveriam ser divulgadas a toda a sociedade! Por este motivo, é que eu as divulgo por toda a Internet, mas não falo somente sobre um político, ou um partido! Procuro ser imparcial; sempre divulgando a verdade em vários espaços! E não ganho nada, para agir desta maneira! E por ética e princípios, eu jamais, defenderia ladrões e corruptos; sejam eles de qualquer partido!

    Sou um escritor independente, e procuro ser solidário; a luta de todos que se sentem injustiçados! Mas não estou de acordo, que continuemos sendo usados, como muitos o estão sendo, em um curral eleitoral!

    Abraços fraternos!

  10. André disse:

    João, obrigado por publicar os comentários (durante a semana temos geralmente acesso bloqueado – via proxy – ao site, nos computadores que acessamos. essa é a razão de não publicarmos aqui a resposta). O que queríamos dizer está na resposta do email colado acima.

    Agora sugiro também que tome cuidado com alguns termos que você usa: defesa da “verdade”, sou “imparcial”. Sua “verdade” é o que você está conseguindo enxergar, com sua visão de mundo e informações que chegam a você por mediações – o que já tira a possibilidade de imparcialidade. No caso em questão, há um explícita tomada de posição – crítica ao Partido dos Trabalhadores – mascarada agora de “verdade”. Não digo que está mentindo, entenda bem; mas que você está tomando posição clara. E isso não tem nada de errado não, é o que devemos fazer. Só estou falando para vc ter mais claro o que está fazendo…

    Aqui no FP não somos “imparciais”. Não temos “rabo preso” com ninguém, nenhum partido ou associação, mantemos nossa independência de pensamento, que acho importante; mas tomamos posição quando concordamos ou discordamos de alguma idéia ou proposta.

    Abraços

  11. Carlos Henrique disse:

    João, sua crítica ignora o ponto central dessa discussão aqui: o GOVERNO SERRA! Como vc só critica o PT, seu lado pelo jeito é defender o Serra, que trata os professores a cacetete, e “gás de pimenta para temperar a ordem”.

    É um absurdo. Agora esse governador vem falar em “governo de união”, “não existe nós contra eles”? ridículo! Fora PSDB de São Paulo, fora Serra! Por salários decentes a todos nós professores!

  12. Tania disse:

    Continuem fortes, colegas. É lamentável como estamos distantes de alcançar os salários que classe merece. Se não assumirmos e lutarmos por nosso valor na sociedade, ela mesma por si não nos dará, infelizmente neste Brasil tão rico ainda estamos assim.

  13. João Cirino Gomes disse:

    Caro colega Carlos Henrique; Eu não defendo o Serra e sabe por qual motivo? Pelo fato de ter visto Serra e Lula juntinhos abraçados quando venderam a Caixa Econômica para se favorecerem a si mesmos!
    Eu tenho a minha opinião e cada um tem a sua!
    Mas não são somente os professores do Estado de SP que estão sendo desvalorizados, escravizados e roubados; e não são somente os professores a viver de promessas!
    Então quem fez promessas de melhorias em varias áreas e setores que cumpram, se é que ainda tem tempo!
    Só não vou aprofundar, para não sair da questão em pauta!
    Mas a verdade esta ai para nós vermos!

  14. Eu publiquei em varios espaços; mas não é panfletagem é a realidade e demostra como nós somos usados!

    Muitos dos atos que acham secretos, não são tão secretos assim!
    Vamos divulgar as patifarias dos espertalhões, pois o povo precisa saber de onde vem a miséria, a violência e os maus exemplos.
    E perceber, como funciona a política na Brasil!
    Pagamos impostos, para ter direito a Educação e Segurança; mas desde o descobrimento do Brasil, somos obrigados a conviver e confiar em gente hipócrita, mentirosa, oportunista e mesquinha, que pouco, ou nada se importa com a Pátria, ou, com seu semelhante!
    Se não fosse desta maneira, há muito seriamos o País mais rico do planeta, em todos os sentidos!
    Existem desvios de verbas, que debilita e desacredita a educação estadual e municipal, e os políticos tiram vantagens desta situação; pois, tanto montam escolas, como tomam parte nos lucros de outras, induzindo os que têm melhor poder aquisitivo, a procurar tais escolas particulares! Desta maneira, a maioria da população sem poder aquisitivo, continuara mal formada, e mal informada como sempre foi!
    Bom esquema não é mesmo?

    E esta mesma formula é usada na área de segurança publica.
    Desviam-se verbas da segurança, montam-se, ou apóiam empresas de seguranças particulares! E além de nos explorar com impostos para manterem seus salários principescos, suas mordomias e as varias aposentadorias, ainda superfaturam, desde as construções dos presídios, até os custos de cada preso.

    E na área de saúde, os políticos tanto desviam verbas, deixando o povo em desespero em filas de INSS, como aproveitam para fazer sociedades em hospitais e planos de saúde particular, que lhes proporciona mais renda, pois com a saúde abandonada, estão induzindo o cidadão com melhor poder aquisitivo, a pagar plano da saúde particular!
    Sem contar que continuam nos cobrando taxas de IPVA, TRU e muitos outros impostos, para construir e melhorar as estradas! Mas acontece que; depois de construir tais estradas com nossos impostos, eles, os políticos as privatizam para se favorecerem, ou favorecer seus amiguinhos, ou seus familiares; e somos obrigados a pagar absurdos, para rodar nas mesmas estradas, que foram construídas com nossos impostos!
    E o desfalque, a corrupção, e a injusta distribuição de renda, além de deixar a população sem opção de vida digna, ainda é a maior responsável pelo aumento da criminalidade, da violência e injustiça social!
    No final, o pobre é quem mais paga imposto no Brasil; pois paga; e não debita o que gasta, do imposto de renda!

    E para aumentar minha revolta, eu ajudei a eleger mais um salvador da pátria, que criticava os corruptos e ladrões, e se dizia defensor de uma justa distribuição de renda! Mas aconteceu; que depois de eleito, tanto ele se tornou milionário, como tornou seus amiguinhos e seus familiares, gênios, empresários, fazendeiros, bilionários da noite para o dia! Passou a defender aqueles que ele mesmo antes tanto criticava e com eles, passou a comer caviar e beber champanhe importado a ponto de urinar nas calças!
    E devido ao interesse, em assumir cargos na ONU, passou a doar o sangue e suor dos trabalhadores e dos oprimidos, até aos países de primeiro mundo.
    E com intuito de se perpetuar no poder, usa dinheiro dos cofres públicos para fazer campanha, apoiando uma ex-ladra e assassina para representar a população, e esconder suas imundices e enriquecimentos ilícitos!
    Mas como uma pessoa, que exerce vários cargos ao mesmo tempo, todos com salários principescos, pode dizer que defende a justiça social e uma justa distribuição de renda?Quem consegue estar em dois, ou três lugares ao mesmo tempo? É o caso da Dilma, que só da Petrobras, recebe mais de um milhão por ano sem ir ao emprego!
    Com tanto desemprego no País, isso é justo?
    Por este motivo, meu voto de confiança passou a ser no NULO: DIGITAREI 0000 E confirmarei!
    Enquanto poucos ganhem muito, sem fazer nada, muitos estão desempregados, vivendo sem dignidade em currais eleitorais!
    E falar em projetos felicidades?
    É inocência e simplicidade, ou muita demagogia e hipocrisia!

  15. Claudia disse:

    Sou estudante de pedagogia, participo do projeto Aluno pesquisador (que é “vendido” nas propagandas do estado como dois professores na sala de aula, propaganda enganosa né), minha familia é composta de professores, então por tudo o que vi nas escolas do estado por onde passei atraves do Aluno Pesquisador e por tudo que sei atraves de meus pais, padrinhos, tios que são professores também, apoio a grave por melhores condições de trabalho, melhores salários…..Se forem parar para pensar a quantos anos o Estado de SP está nas mãos do MESMO partido ??? Mesmo que fosse bom (coisa que na minha opinião não é), não se pode ter apenas uma visão por tantos ANOS governando um Estado, o candidato muda mais o partido é o mesmo, o que os professores do Estado de SP ganham é um vergonha sem limites, com o que eles ganham não poderia pagar minha faculdade e minha condução, para verem meu pai é professor e tenho que participar de um projeto de bolsa de estudo para conseguir cursar a faculdade pois infelizmente meu pai não tem condição de pagar para mim.

  16. Sra. Claudia; já me acusaram de estar defendendo Serra; Ledo engano, eu só gostaria de abrir os olhos dos professores para algumas questões: Somente os professores de SP estão ganhando misérias? Somente no estado de SP a educação esta sucateada? Então meus queridos; vamos lutar em conjunto por melhorias na Educação, na segurança; mas não vamos deixar que nos usem como bodes expiatórios em suas campanhas porcas e imundas; onde tentam nos jogar contra seus adversários políticos, só para obterem vantagens nas urnas: Se aceitarmos ser usados, no final acabara tudo como antes! Eles com suas mordomias, exercendo vários cargos ao mesmo tempo, tendo varias aposentadorias com salários principescos; e a população sem cultura, desinformada desempregada e escravizada, vivendo de promessas em currais eleitorais!
    Acordem para a realidade!

  17. Vai depender de cada leitor, analisar se meus comentários tem fundamentos,\a ou se realmente eram propaganda política! Se eu estivesse defendendo algum político, ou partido, até seria compreensível, mas eu estou é denunciando o canalhas e seus cambalachos!
    E meu voto não escondo; foi Nulo!
    E enquanto os políticos tiverem direito a exercerem vários cargos, como se pudessem estar e muitos lugares ao mesmo tempo, receberem varias aposentadorias, desviarem superfaturarem até merenda escolar, e nunca devolverem um centavo do que roubam aos cofres públicos, por terem a lei de imunidade os acobertando, eu incentivarei o voto Nulo, e Votarei NULO!
    Não adianta votar! Pois de caso pensado, os políticos fizeram alianças; se não todos, a maioria pensando em manter seus cargos e mordomias, mamando nas tetas da Nação e Dane-se o povão!

    Vejam se tem cabimento:

    “Muito Importante”

    As tragédias ocorrendo com as chuvas na Região Serrana do Estado do Rio, as inundações em São Paulo, etc. A mídia toda mobilizada mostrando os terríveis eventos (e muitas mortes) neste início de ano mas… Brasília “trabalha” em silêncio quando interessa encobrir mutretas. E aproveita que as atenções do povo estão voltadas para essas tragédias e… vota o projeto abaixo.
    1 MINUTO DE SILÊNCIO!

    Ontem os deputados federais mostraram a cara e não votaram o projeto de lei FICHA LIMPA. Para quem não sabe, ontem foi rejeitada a votação, na Ordem do Dia da Câmara Federal, o Projeto de Lei FICHA LIMPA, que impede a candidatura a qualquer cargo eletivo, de pessoas condenadas em primeira ou única instância ou por meio de denúncia recebida em tribunal – no caso de políticos com foro privilegiado – em virtude de crimes graves como: racismo, homicídio, estupro, tráfico de drogas e desvio de verbas públicas.

    A IMPRENSA FOI CENSURADA E ESTÁ IMPEDIDA DE DIVULGAR! PORTANTO, VAMOS USAR A INTERNET PARA DAR CONHECIMENTO AOS OUTROS 198.000.000 DE BRASILEIROS QUE OS DEPUTADOS FEDERAIS TRAÍRAM O POVO!!!

    Espalhe esta notícia, segundo dados, uma mensagem da internet enviada a 12 pessoas, no fim do dia chega a 30.000 usuários. Vamos espalhar………..

  18. Eu recebi este e-mail e com certeza muitos vão entender que não faz parte de propaganda política, mas é a pura realidade dentro do país, e não é somente no Estado de SP como queriam demonstrar em vésperas de eleição, para usar os professores, jogando-os contra seus adversários políticos!

    “No futebol, o Brasil ficou entre os 8 melhores do mundo e todos estão tristes.
    Na educação é o 85º e ninguém reclama…”

    EU APOIO ESTA TROCA

    TROQUE 01 PARLAMENTAR POR 344 PROFESSORES

    O salário de 344 professores que ensinam = ao de 1 parlamentar que rouba

    Essa é uma campanha que vale a pena!

    Repasso com solidária revolta!

    Prezado amigo!

    Sou professor de Física, de ensino médio de uma escola pública em uma cidade do interior da Bahia e gostaria de expor a você o meu salário bruto mensal: R$650,00

    Eu fico com vergonha até de dizer, mas meu salário é R$650,00. Isso mesmo! E olha que eu ganho mais que outros colegas de profissão que não possuem um curso superior como eu e recebem minguados R$440,00. Será que alguém acha que, com um salário assim, a rede de ensino poderá contar com professores competentes e dispostos a ensinar? Não querendo generalizar, pois ainda existem bons professores lecionando, atualmente a regra é essa: O professor faz de conta que dá aula, o aluno faz de conta que aprende, o Governo faz de conta que paga e a escola aprova o aluno mal preparado. Incrível, mas é a pura verdade! Sinceramente, eu leciono porque sou um idealista e atualmente vejo a profissão como um trabalho social. Mas nessa semana, o soco que tomei na boca do estomago do meu idealismo foi duro!
    Descobri que um parlamentar brasileiro custa para o país R$10,2 milhões por ano… São os parlamentares mais caros do mundo. O minuto trabalhado aqui custa ao contribuinte R$11.545.
    Na Itália, são gastos com parlamentares R$3,9 milhões, na França, pouco mais de R$2,8 milhões, na Espanha, cada parlamentar custa por ano R$850 mil e na vizinha Argentina R$1,3 milhões.

    Trocando em miúdos, um parlamentar custa ao país, por baixo, 688 professores com curso superior !

    Diante dos fatos, gostaria muito, amigo, que você divulgasse minha campanha, na qual o lema será:

    ‘TROQUE UM PARLAMENTAR POR 344 PROFESSORES’.

    Repassar esta mensagem é uma obrigação, é sinal de patriotismo, pois a vergonha que atualmente impera em nossa política está desmotivando o nosso povo e arruinando o nosso querido Brasil.
    É o mínimo que nós, patriotas, podemos fazer.

  19. Onde estão os defensores de melhores salários para os professores? E onde aqueles sindicatos e blogueiros que criticavam o Serra devido aos baixos salários dos professores em SP?

    Creio que eles somente queriam jogar os professores contra seus adversários políticos para angariam votos!
    Pois os professores de todo o país continuam com seus salários defasados! Também: Apesar de serem mais cultos que boa parte dos presidiários, são mais desunidos!
    Pois os presos montaram suas falanges, como PCC, CV; e devido a suas representatividades, em busca de seus direitos, ganham mais de setecentos reais por cada filho, que é mais, que o salário de muitos professores!

    Estou citando estes dados pelo fato, de que na época da eleição ter tido um comentário bloqueado! A informação que consta na pagina; é de que era propaganda política!
    Então me vejo no direito de cobrar a quem quer que seja, a continuidade da luta por melhores salários dos professores, daqueles que se diziam defensores desta causa, na época de eleição!

    Ou então, que fique comprovada a intenção de usar os professores por sindicatos e blogueiros interesseiros, de jogar os professores contra seus adversários políticos!

    Ou vão me dizer que o cidadão só pode cobrar seus direitos, e ouvir promessas, em época de eleição?

    Abraços a todos!

  20. E onde estão aqueles, que se diziam defensores do aumento salarial dos professores?
    Agora pararam com suas cobranças?
    Ai esta a realidade!
    Quem pode me dizer, se a real intenção não era montar blog, com participação de sindicatos vendidos, para incentivar as greves e passeatas no Estado de SP e jogar os professores contra seus adversários políticos?

    Será que as promessas de melhores salários foram cumpridas?

    E por onde andam os defensores de salários justos para os professores?
    No mínimo, acham que devem incentivar as greves e fazer promessas, somente em época de eleição; e sempre tentando a população contra seus adversários políticos!

    Esta seria a hora de fazermos cobranças!
    Mas os políticos que faziam promessas para se elegerem escafederam; e só pensam em desfrutar de suas mordomias!

    E seus pelegos seguem seus exemplos!

  21. Olhem para esta matéria:

    E a sacanagem que os petistas chamam de estratégia política!
    Articuladores petistas estão recrutando agitadores ao preço de R$ 50.00 cinqüenta reais a diária, para desencadearem passeatas e incentivarem greves em São Paulo, na intenção de desmoralizar o Governador José Serra e favorecer a Dilma!
    E os trabalhadores, nem percebem que estão sendo usados como massa de manobra!
    Notem que os grevistas mais agitadores nem são trabalhadores!

    PAULISTAS, VOTEM EM MERCADANTE! ELE É A FAVOR DA GREVE NA EDUCAÇÃO, NA SAÚDE, NA SEGURANÇA… ELE ADORA SÃO PAULO!!!
    Tenho escrito aqui que o grevismo em São Paulo tem caráter político-eleitoral. Grande novidade, não? José Serra apontou a mesma coisa, o que bastou para a canalha habitual gritar: “Olhem o blogueiro escrevendo o que o governador quer”, como se uma verdade passasse a ser uma mentira porque não boca deste ou daquele. O PT manda na Apeoesp. No caso do movimento de alguns policiais civis, a influência direta é da Força Sindical, do notório moralista Paulinho da Força, candidato a qualquer coisa anti-Serra.
    Pois bem. Quem é que resolveu dar hoje todo o seu apoio aos movimentos grevistas de São Paulo? Ora, o virtual candidato do PT ao governo do estado, senador Aloizio Mercadante. No Twitter, escreveu: “Insatisfação do funcionalismo em SP. Professores em greve, sem diálogo. Na Saúde, paralisação de 48h. Fatecs e presídios convocam assembléia. É urgente diálogo e negociação com os servidores.”
    Pronto! Está fechada a equação!
    – Mercadante está apoiando uma greve de professores que, embora malsucedida, prejudica um bom número de alunos pobres.
    – Mercadante está apoiando um movimento na Polícia Civil que já assumiu contornos de impressionante radicalismo há dois anos. Nos jornais de hoje, uma “líder” da categoria chega a flertar com um novo confronto com a Polícia Militar.
    – Mercadante está apoiando a movimentação nos presídios, área que tem sempre potencial explosivo — o que deixa todos os paulistas menos seguros.
    E Mercadante quer ser governador de São Paulo. Então as coisas funcionam assim: quando os petistas estão no poder, seus sindicalistas vão se contentando com o que têm. Perguntem se, nos estados onde o partido é governo, os servidores levam uma vida proporcionalmente melhor do que os de São Paulo. A resposta, obviamente, é não! Falem com os baianos, por exemplo. É óbvio que o partido não vai promover agitação contra um dos seus. Quando os petistas são oposição, aí eles põem para funcionar a máquina de desestabilizar governos.
    O senador evita o apoio explícito porque não é bobo. Vem com a cascata de que quer abrir diálogo. A turma de Bebel, da Apeoesp, pede um reajuste de mais de 34%, o que é uma estupidez. Até porque está em curso um plano de carreira, com promoções e bônus, que garantem aumentos substanciais aos professores. Mas essa reivindicação não passa de cortina de fumaça para o verdadeiro objetivo do sindicato: destruir o plano de carreira, que compreende a valorização do profissional segundo o mérito. E Bebel gosta é de ser chefe da turma que não dá bola para o… mérito!

    É o vale-tudo a que recorre o petismo quando na oposição. Em 2006, Mercadante também disputava o Palácio dos Bandeirantes, e os petistas se meteram na tramóia do Dossiê dos Aloprados. Um assessor pessoal do senador, Hamilton Lacerda, que está de volta ao PT, foi o homem que levou a mala de grana para pagar a bandidagem: nada menos de R$ 1,7 milhão em dinheiro vivo, oriundo do mundo do crime, já que se desconhece a sua origem.
    Não deu certo.
    Agora Mercadante investe no baguncismo. É isto, paulistas: votem em Mercadante! Ele é a favor das greves na educação, na saúde, na segurança e nos presídios. Afinal, os paulistas que se danem. Ele tem de apoiar os seus companheiros!

    E agora eu pergunto onde esta tal Mercadante, os dirigentes sindicais, seus pelegos e os blogueiros que antes da eleição incentivavam a greve?
    Após usar boa parte dos inocentes desinformados para se elegerem desapareceram, deixando-os a ver navios como sempre!

    Pois bem, agora não poderão dizer que é propaganda política, e eu posso cobrar dos senhores a luta per melhores salários aos professores; concordam?
    Ou vão me dizer que os professores já recebem o suficiente, ou que foram os professores que tiveram 60% de aumento em seus salários?

  22. Ei onde estão os defensores de melhores salários para os professores?
    A já entendi e havia dito antes na época de eleição! Na época de eleição a internet fica é cheia de pelegos ganhando para jogar os menos informados contra seus adversários políticos!
    Até parece que os professores já conseguiram melhores salários!
    Eu bem que avisei! Sempre agem desta forma! E após usar os otários, somem!

  23. My brother recommended I may like this blog. He was entirely right. This submit truly made my day. You cann’t believe just how so much time I had spent for this information! Thanks!

  24. Assim caminha o Brasil: Como na Estória para boi dormir: E eu colaborei para um sapo virar rei!

    Depois da ditadura até os dias de hoje!

    A estória que vou contar ocorreu em uma época não muito distante.
    As formiguinhas estavam de cara com o elefante.
    Também pudera; elas viviam as margens, sendo exploradas pelos paquidermes, que quando ia lhes falar, usavam palavras complexas e intruncadas.
    E os animais mais perspicazes, se revoltaram com os bichos de peso que vivia lhes engambelando; e as revoltas e rebeldias, tornaram-se suas companheiras.
    Por outro lado, os lobos com peles de cordeiros, ao ver suas mordomias ameaçadas, ficaram com as orelhas em pé, lançaram mão da dona dita, “Ditadura” e começaram a jogar duro para cima dos insurgentes. Criaram um departamento criminal e deram carta branca para os gambás e as raposas, descerem à lenha e prender todos os animaizinhos taxados de marginais, criadores de caso. Assim começou o maior sapeca ai, ai, ai… ‘’Repressão’’
    Quando um animal se sentia injustiçado, e reclamava seus direitos em público, acabava sendo açoitado e levado para á masmorra.
    Até que certo dia, bandos de revoltosos, resolveram fazer passeatas para defender suas idéias.
    Mas um tucano, que ia lustrar o bico escoltado por sua comitiva, ao notar a agitação em praça pública, ficou vermelho de indignação. Chamou aquilo de anarquia, bateu asas e se afastou… Pouco depois da sua sutil escapadela, pintou na área uma matilha de raposas acompanhadas por gambás. E sem perda de tempo, começaram a soltar gases e descer a lenha nas costas dos mais lerdos.
    Um casal de coelhos, que dava aula nas proximidades, resolveu reclamar seus direitos, mas foram apanhados pelas orelhas.
    Eu que vivo de reportagens, tentei me aproximar e tomar conhecimento dos fatos… Fui empurrado, derrubado e pisoteado; levantei-me assustado e sumi no mato. Mas não pude deixar de ouvir o ai, ai, ai, do coelho.
    Quando ele menos esperava, a borracha desceu em seu lombo e a revolta saiu. Em poucos instantes o coelho e a coelha, estavam calminhos, calminhos, e com vários hematomas pelo corpo… Aos pescoções foram jogados em uma masmorra abarrotada de infelizes. O chão estava umido e o ar viciado.
    E mesmo com as costas quentes por tantas borrachadas, os coelhos permaneciam calados e tiritando de frio. Falador ali, nem mesmo o jacaré com sua bocarra. Foi assim que a revolta e a rebeldia se tornaram silenciosas.
    Depois de muito luta, sangue, suor e lágrimas derramadas, conseguiram eliminar a dona dita, que dava dura. ‘’Ditadura. ’’
    Porem, logo chegou à liberdade de expressão… E com ela muita animação! Olêlê, olê, olê, ola!
    Olha no que deu a liberdade de expressão em uma floresta, onde os animais cultos são oportunistas e só pensam em si mesmos!
    As formigas passaram a se orientar às apalpadelas, no escuro formigueiro de suas incultas vivências.
    Fizeram um estudo do passado, especularam o presente, e chegaram à seguinte conclusão. O futuro seria negro e tenebroso se não tomassem uma providencia.
    Inesperadamente começou um disse-me disse que lá pras bandas do ABC, havia surgido um molusco, com uma bela fonte de inspiração! E as formiguinhas esperançosas e trabalhadoras se aliaram ao tal molusco, mas notaram que ele mais se parecia com um sapo; mesmo assim, criaram um slogan, e o nomearam para defender seus direitos trabalhistas e suas idéias.
    Depois de refletir sobre a insignificância dos seus pensamentos rebeldes, que eram restritos a poucos, resolveram divulgá-los a todos os moradores da floresta! E foi tomada a seguinte decisão. Usando de democracia, acabariam com os baixos salários e o desemprego. No tope da campanha vinha à justa distribuição de renda; desta forma acabariam com fome aumentariam as verbas para a saúde e educação; e por fim, iriam detonar com a corrupção e a violência.
    Mas havia tantos animais pequenos violentos e desonestos, quanto grandes. Os pequenos por falta de opção seguiam o exemplo dos paquidermes. Se bem que; os grandes paquidermes, devido a lei de imunidade, aos seus tamanhos, privilégios e cargos ocupados, sempre saiam ilesos de suas falcatruas.
    Já as pequenas cabeças de vento, seguindo os exemplos dos grandes paquidermes do colarinho branco, cometem enormes atrocidades; na verdade obtendo pouco lucro, porem, demonstrando facilidade em aprender o que não presta.
    Mas os astuciosos paquidermes não aceitam concorrências!
    E em nome da democracia e justiça, criaram leis para se favorecerem, tampando o sol com a peneira. Desta forma, muitos crimes se tornaram hediondos.
    Mas o famoso crime do “colarinho branco”, aquele que lhes dava poder de semideuses e levava os animaizinhos à miséria, não. – E por quê? – Perguntou com curiosidade uma borboleta a sua colega mariposa.
    E um grilo inocente e atrevido, que assuntava o blá, blá, blá, entre as duas, entrou de sola na conversa, com outra pergunta. – Será que esta lei é justa e democrática, ou esta desajustada e desmoralizada?
    Com suas hipocrisias e demagogias, os paquidermes usavam recurso público, e construíam cadeia para encarcerar seus imitadores, que cometiam falcatruas, iludidos com a vida fácil… E para não ocuparem as mesmas cadeias por eles construídas com superfaturamento, tinham a lei da imunidade!
    E os animaizinhos trabalhadores e cumpridores de seus deveres, passaram a viver entre a cruz e a espada. Eram atingidos de baixo para cima pelos pequenos marginais, que lhes roubavam a paz, e de cima para baixo pelos grandes hipopótamos de colarinho branco, que os sacrificavam com cargas tributárias e as corrupções. Não fossem tais fatos, a floresta seria um paraíso.
    As formigas são trabalhadoras por natureza. Sempre caladas pagavam aos espertalhões de colarinho branco, altas taxas e impostos. Mesmo assim viviam de promessas, presas em currais eleitorais, passando por necessidades e humilhações!
    A maioria dos animaizinhos da floresta acreditava na recuperação dos pequenos infratores. Muitos deles conscientes, de que “os pequenos” enveredam para o submundo do crime devido à falta de opção. E é lógico; tem aqueles que seguem o exemplo dos corruptos do colarinho branco, e por seus tamanhos e insignificâncias, tornam-se bodes expiatórios!
    Também pudera, nem todos têm conhecimentos dos códigos penais, e das suas emendas. E poucos imaginam, o quanto custa um bom advogado. Sem contar, que a maioria deles são tamanduás, e adoram engolir formigas. Por estas e outras, os pequeninos são condenados; e amargam duras penas, presos em formigueiros tumultuados.
    E até estas condições são distorcidas e usadas por paquidermes mestres em oportunismo.
    – Esta é a minha a sua e a nossa história, – gritava o molusco, digo, o sapo de gravata, na beira do barranco. – Belo e lindo será o dia, em todos se conscientizarem, de que tem muitos mascarados nos sacaneando. – Ele falava e gesticulava, andando de um lado para outro, sempre coçando barba.
    – Um elefante atrapalha muita gente – gritavam as formiguinhas, já acostumadas com as migalhas; carregando folhas em forma de bandeira nas costas…
    A floresta devia aos famintos tubarões, do ‘’FMI’’ e as condições sociais na floresta exigiam providencias seriíssimas… Quem poderia solucionar tais problemas?
    Então os maiores paquidermes se juntaram aos tucanos, aos macacos, ratos e toupeiras, para encontrar uma solução. Os macacos e os ratos, preferindo defender seus interesses, só falavam em privatizar. Os macacos falavam em privatizar os bananais, e os ratos, as fábricas de queijo.
    As toupeiras, que enxergam no escuro, percebiam o movimento, mas temendo serem taxadas de insensatas, permaneciam caladas.
    E novamente, para se manter os privilégios da bicharada influente e de peso, começaram as emendas. Emendaram, desemendaram, arrebentaram, colaram, descolaram… E além de receberem altos salários por um trabalho todo amassado e remendado. Lá se foram os bananais e as fábricas de queijo. E com tantas emendas e remendos, o soneto acabou escangalhado, sem ritmo e sem rima; e tudo permaneceu como antes ou pior.
    Parte do que foi narrado, um papagaio me contou.
    Ele estava incumbido de me entreter. Enquanto seu companheiro macaco – cólor surrupiava um cacho de banana, que amadurecia em meu quintal. Quero dizer, se apropriava de minha poupança!
    Quando os safados deram no pé, o sapo, que apoiado pelas formiguinhas tinha se tornado o rei da selva, pôs a boca no trombone. Então pensei, – Desta vez eu acertei em apoiar o sapo, ele é uma grande figura, e mesmo tendo pernas curtas, e ter que andar aos pulinhos, este danadinho vai longe!
    Mas quando achei que tudo ia bem, um pombo correio comilão, sentou num poleiro do plenário, e começou a defecar na cabeça dos seus companheiros.
    Na verdade, a imundície já estava incrustada até a medula da banda podre dos paquidermes; ele só lambuzou um pouquinho mais superficialmente.
    Quando a inháca começou a escorrer e exalar seu bodum, algumas aves de rapina resolveram levantar vôo com o produto das suas falcatruas. Mas uma delas caiu de maduro, devido ao peso das verdinhas, que carregava na cueca. Se fosse um animalzinho insignificante, iria amargar duras penas em subi formigueiros tumultuados.
    Depois de presenciar tamanhas safadezas e porcarias, um bando de hienas, caiu na gargalhada.
    E as formiguinhas ficaram de cara com o sapo.
    Elas acham; que ele se esqueceu das suas promessas de campanha, e agora sua maior preocupação é com seu próprio brejo. Pois alem de tornar o moluscozinho, digo, o sapinho um grande empresário, dono de um imenso brejo, ainda nomeou raposas para tomar conta do galinheiro. Aliou-se a bando de aves boas de bico, que só pensam em aumentar suas mordomias; comprou asas importadas, e sentindo-se um pavão, esta voando mais que os tucanos de bico lustroso, que ele mesmo tanto criticou. E indiferente à realidade e falcatruas, continua seguindo em frente com sua dança de rato. Vai só naquela da promessa, do bico doce, do não sei, do não vi, mas vou apurar… Vou fazer e acontecer…
    E chegou a prometer que arrancaria a própria plumagem para livrar-se das imundices. Até mandou limpar as teias de aranhas do plenário, para dar inicio a um espetáculo teatral, ops, digo “CPI”. E a bicharada ficou na expectativa, acreditando que como tantos outros espetáculos, este também terminaria em pizza de queijo, com sabor de marmelada.
    Mas para demonstrar seriedade, os apresentadores do espetáculo arrancaram o poleiro do pombo porcalhão, que estava bagunçando a festança, e o deixaram de olho roxo. – Grande coisa – disse ele. – Depois eu volto!
    E antes de bater asas e se despedir, ainda jogou areia na sopa, e arremessou meleca no ventilador. Mesmo com o olho arroxeado, parecia estar se divertindo com o sufoco dos imprudentes, sujos e lambanceiros, que caíram na asneira de criticá-lo.
    E não é que; pouco depois o danadinho voltou mesmo!
    E o espetáculo continua, com dois pesos e duas medidas.
    Para os ratões, e os bichos de peso, continua a ter pizza de queijo com marmelada.
    E para as formigas, que indignadas assistem as encenações, sobrarão às despesas. E se reclamarem as bordoadas.
    Ainda bem que as formigas são pacificas e ordeiras. Se fossem rebeldes, e estivessem com a barriga cheia; poderiam sentir náuseas e se tornar bichos danados, emporcalhando de vez a floresta e o plenário com seus vômitos.
    Tais fatos; lembra-nos o Martim – pescador, que vivia cantando: – Não leve a mal me dê o meu agora, em festa de rato não sobra queijo… Também pudera com tantas ratazanas!
    E até mesmo o bem-te-vi; que pela sua natureza, gritava aos quatro cantos, anunciando que tudo via, chegou à triste conclusão, de que não vê, nem entende mais nada.
    Meu protesto é: segundo a constituição em uma democracia, prevalece a vontade da maioria! E eu convoco a população para pedirmos o fim da lei de imunidade parlamentar!
    O homem público é eleito pelo povo, e deve ser julgado por um tribunal popular!
    E SE CONDENADOS, REPONSABILIZADOS POR SEUS CRIMES!
    Devendo devolver o produto de suas rapinagens aos cofres públicos!
    Isso SIM é justiça! Ou então: Vote Nulo Neles: Teclando 0000 e confirmando!
    E chega de CPI para fazer festanças COM PIZZA DE QUEIJO E MARMELADA E rir da cara da população, enquanto aumentam seus salários principescos e exorbitantes!

  25. O Mais interessante é que Dilma e os candidatos do PT foram eleitos: E agora que vão alegar para continuar roubando os professores, os aposentados, ou doando as verbas da educação, da saúde da moradia aos amiguinhos?

    Não deixe que partidos políticos te use como o PT, que jogou os professores contra seus adversários políticos! >

    Leia o debate dos pelegos com o janciron!

  26. Valuable information. Lucky me I discovered your website accidentally, and I’m shocked why this twist of fate didn’t came about earlier! I bookmarked it.

  27. Pingback: toddlers and tiaras alana quotes

  28. Pingback: resources.simplefocus.com

  29. Pingback: linkbookmarking.com

  30. Pingback: Recommended Webpage

  31. Pingback: leopard Bikini swimsuit

  32. Pingback: a cool way to improve

  33. Pingback: blog.thecompanywarehouse.co.uk

  34. Pingback: chat.socialxbot.com

  35. João Cirino Gomes disse:

    Mas que reviravolta, viram como mentira tem pernas curtas? Os debatentes pelegos do PT foram desmascarados, enfiaram a viola no saco e deletaram até seus comentarios!

  36. João Cirino Gomes disse:

    Vejam como são bons para mentir, fazer promessas, se elegerem e nos roubar!
    Eu mesmo não acredito mais em uma silaba, do que prometem os integrantes desta quadrilha!
    Lula fez promessa de entregar a obra da transposição do São Francisco para se eleger, não cumpriu, depois Dilma fez as mesmas promessas para se eleger, foram gastos milhões, mas as obras estão inacabadas e abandonadas.
    Para onde foram nossos impostos?
    E ninguem vai prestar contas?
    Quem lucrou com estas patifarias?
    Agora nossa luta sera pela devolução dos valores surrupiados, Convoco a população. Vamos cobrar dos três poderes, das três forças armadas, das três policias, e de todos politicos honestos e honrados, que não estiverem fazendo parte desta quadrilha!

    https://www.facebook.com/video.php?v=757965207604662&set=vb.100001735699939&type=2&theater

  37. It’s remarkable to pay a visit this web page and reading the views of all friends regarding this
    piece of writing, while I am also eager of getting know-how.

  38. Hello, this weekend is pleasant designed for me, because this moment i am reading this impressive educational post here
    at my residence.

    My blog porcelanosa tiles

  39. Jin Grills disse:

    Additionally, lenders usually prefer for the total housing
    expenses never to exceed 28% of your income Jin Grills
    search term of fox enterprises payday loans it is possible to find 1000 lenders from us.

  40. Here is a quick review if things to memorize when choosing a drop
    shipping wholesale group:. Behavioral targeting has been extensively used by social
    networking websites, publishers and advertisers.
    Well-dressed drop shippers with their likewise stylish wholesalers are currently
    carrying fashion catalogs ffor displaying of stylish items
    available for sell online, for the reason that they
    have come to realize, sales iin trendy catalogs correlate
    somehow with the enormoous sales potentials for ladies clothing.

    My web-site sentradistributor

  41. janciron disse:

    E agora assistam este vídeo e vejam o que fala esta professora! Vejam se é só em São Paulo que os professores estão sendo roubados em seus direitos! https://www.youtube.com/watch?v=5uWNjgj4iH0

  42. I read this post completely regarding the resemblance of most recent and previous technologies, it’s remarkable article.

  43. Na verdade depois da lavada, muitos retiraram seus nomes, seria vergonha, por terem sidos desmascarados? Ou meus texto vão continuar postados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *